“Nunca!
Jamais deixe seu otimismo de lado.
Nada acontece se não confiar em você.”

2018-06-11

O DIA DOS NAMORADOS NÃO É PRA VOCÊ

O dia dos namorados não adianta para você que fez aquele reserva num restaurante finíssimo, mas permite que ele te trate com grosseria em casa dizendo que sua comida não é igual à da mãe dele.

O dia dos namorados não adianta para você que comprou o perfume que ele gosta, mas cheira as camisas dele quando ele as tira pra tomar banho, na esperança de encontrar “outros cheiros” provando que sua “intuição” estava certa de que ele tem outra. Isso não é só ciúmes, isso é ser refém da própria insegurança.

O dia dos namorados não adianta para você que posta fotos felizes no instagram para mostrar para as amigas que está feliz, mas no fundo aceita ser o terceira ou a quarta opção do namorado, que implora um carinho ou mesmo um “bom dia” no WhatsApp, que tenta adivinhar a senha dele no celular para dar “uma geral”.

O dia dos namorados não adianta para você que vasculha o Facebook do outro em busca de quem curtiu ou começou a seguir. Quem é carente não namora, faz reféns. Cuidado com isso! Talvez você precise de ajuda.

O dia dos namorados não adianta para você que fez depilação, comprou roupa nova, caprichou no decote, mas reclama porque ele não reparou que você cortou os cabelos nem te elogiou. Simplesmente porque isso é baixa autoestima. Arrume-se para você e não para o outro. Sorria no espelho elogiando seus pontos fortes. Ignore sua barriguinha, todo mundo tem algo só seu e daí?

O dia dos namorados não adianta para você que comprou um cartão lindo com dizeres maravilhosos, mas sequer visualiza as mensagens dela quando está online, que diz estar em reunião, mas prefere ver vídeos engraçados enquanto ela se descabela atrás de você.

O dia dos namorados não adianta para você que comprou um presente lindo, embrulhou ansiosamente esperando ver o outro feliz, se por dentro você não gosta de si mesmo ou está extremamente inseguro com medo do outro partir um dia e te deixar só. O sozinho não existe quando se tem a si. Vibrar o medo da partida do outro é o mesmo que assinar uma carta de dependência alheia, colocando o outro como garantia de sua felicidade. Ninguém é responsável por sua felicidade.

O dia dos namorados não adianta para você que ainda não começou um relacionamento consigo mesmo. De todo relacionamento, eterno só com você. Todos os outros são passageiros. Alguns duram cinquenta anos; outras duram cinquenta horas. Não importa, durou o quanto precisava durar, deu certo sim e você aprendeu o que precisava aprender. Mas uma coisa preciso te dizer: de nada adianta o dia dos namorados se você não se ama profundamente.

Se você tem um namorado ou namorada, curta muito, mas se você não tem curta mesmo assim! Todos os momentos que nos sãos dados são mágicos e estar consigo mesmo é um privilégio. Num mundo onde muita gente busca alguém para “se completar”, estar completo de si é um presente!

WILLIAM SANCHES


Comente essa notícia



William é autor dos seguintes livros

Newsletter

Cadastre seu e-mail e receba as novidades do William Sanches

Redes sociais

Facebook

Copyright © 2018 William Sanches